por Silvio Meira

bits.1: viciado em redes sociais? #comoFaz?

b

em dezembro deste quase já ido 2011 e janeiro de 2012, o blog vai publicar [ao contrário da norma, aqui] bits: textos pequenos, bem mais frequentes, sobre nossa [mundana] vida digital. ao invés dos raciocínios estruturados e interligados de costume, vamos nos ater a TRÊS parágrafos, no máximo.

vamos tratar de UMA situação, UMA explicação e/ou consideração e, se for o caso, UMA pergunta. depois, UMA consideração sobre o tema, talvez uma opção pessoal. corporativa, se pudermos revelar uma. regional, se isso fizer sentido considerar um país ou região no contexto. vamos ver no que dá.

Relógio

muita gente tá vivendo numa overdose de redes sociais. quanto maior sua rede, especialmente se for de pessoas e não de produtos ou marcas, mais atenção tem que ser dedicada à manutenção dos seus relacionamentos.

a solução é simples [mas pode dar muito trabalho] e não está no dicionário de auto-ajuda digital, porque é você que vai ter que desenrolar: [re]descubra um propósito para participar de redes sociais e redesenhe comportamento, usos e contribuições. um exemplo disso? meu twitter, exceções à parte, é um repositório de links. de coisas que eu li/escrevi e quero lembrar, coisas que eu não li e quero ler. vez por outra, uma canção a lembrar. e pronto.

este texto trata o assunto em muito mais detalhe. tá em inglês. se não dá pé pra você, tem algo parecido nesta tradução de google. vá ler.

Relógio

Sobre o autor

Silvio Meira

silvio meira é cientista-chefe da TDS.company, professor extraordinário da CESAR.school e presidente do conselho do portodigital.org

10 comentário

  • Acho bem válido esse seu novo formato. Mas os grandes textos, mesmo que sejam grandes, são muito bons. Voce pode mesclar os dois formatos, Silvio. #ficadica

    • os “estudos” não vão sumir não… é que nas férias, como as análises do lado de cá mostram, há’muito menos gente que os lê. o formato *bits* vai até’o carnaval, com um texto longo vez por outra… abs, s.

  • Acho bem válido esse seu novo formato. Mas os grandes textos, mesmo que sejam grandes, são muito bons. Voce pode mesclar os dois formatos, Silvio. #ficadica

    • os “estudos” não vão sumir não… é que nas férias, como as análises do lado de cá mostram, há’muito menos gente que os lê. o formato *bits* vai até’o carnaval, com um texto longo vez por outra… abs, s.

  • Concordo sobre o comentário sobre “mesclar”… Apesar de ler sempre o que acontece por aqui, nunca comento, é raríssimo… Mas a partir desse novo formato mencionado aqui, tentarei sempre que puder, dar algum retorno deixando comentários, primeiro que é uma espécie de agradecimento ao que aprendi aqui, e segundo, que é justamente para “instigar” o aparecimento de textos mais longos e elucidativos possíveis, de textos concisos basta o twitter, que realmente é uma boa para “linkar” tudo e todos de interesse pessoal.. E sobre o vício de redes sociais, ela é válida e sadia quando não é fútil, quando é utilizada para formar uma rede de pessoas com o interesse de aprender uma lingua nova, até mesmo quando o interesse é por algum hobbe específico, onde se juntam pessoas com ideas e experiências deferentes para verbalizar na rede.

  • Concordo sobre o comentário sobre “mesclar”… Apesar de ler sempre o que acontece por aqui, nunca comento, é raríssimo… Mas a partir desse novo formato mencionado aqui, tentarei sempre que puder, dar algum retorno deixando comentários, primeiro que é uma espécie de agradecimento ao que aprendi aqui, e segundo, que é justamente para “instigar” o aparecimento de textos mais longos e elucidativos possíveis, de textos concisos basta o twitter, que realmente é uma boa para “linkar” tudo e todos de interesse pessoal.. E sobre o vício de redes sociais, ela é válida e sadia quando não é fútil, quando é utilizada para formar uma rede de pessoas com o interesse de aprender uma lingua nova, até mesmo quando o interesse é por algum hobbe específico, onde se juntam pessoas com ideas e experiências deferentes para verbalizar na rede.

  • Ops, corrigindo… * Diferente, onde escrevi dEferente… e a redundância no começo “Sobre e Sobre” novamente no começo, o primeiro “sobre”, é pra ser “com”.. quase 4 da manhã e já estou em alpha.

  • Ops, corrigindo… * Diferente, onde escrevi dEferente… e a redundância no começo “Sobre e Sobre” novamente no começo, o primeiro “sobre”, é pra ser “com”.. quase 4 da manhã e já estou em alpha.

por Silvio Meira

Pela Rede

silvio meira é PROFESSOR EXTRAORDINÁRIO da cesar.school, PROFESSOR EMÉRITO do CENTRO DE INFORMÁTICA da UFPE, RECIFE e CIENTISTA-CHEFE, The Digital Strategy Company. é fundador e presidente do conselho de administração do PORTO DIGITAL. silvio é professor titular aposentado do centro de informática da ufpe, fundou [em 1996] e foi cientista-chefe do C.E.S.A.R, centro de estudos e sistemas avançados do recife até 2014. foi fellow e faculty associate do berkman center, harvard university, de 2012 a 2015 e professor associado da escola de direito da FGV-RIO, de 2014 a 2017.

Silvio no Twitter

Arquivo