o que é mesmo que interessa discutir, na periferia, sobre TICs?…